A influência da crítica musical de Gabriel Peveroni em sua obra El exilio Según Nicolás (2004)

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Eulálio Marques Borges

Resumo

Nascido no Uruguai e parte de uma geração de escritores que sempre se esforçou, e continua se esforçando, para distanciar-se da literatura latino-americana mais realista e calcada no nacionalismo, Gabriel Peveroni encontrou na música, em especial nos estilos pop e rock, uma aliada ao momento de construir uma narrativa moderna, urbana e em nada folclórica. Seu trabalho como crítico musical de uma classe considerada under,nas revistas Posdata e Rolling Stone, assim como o conhecimento aí adquirido, se transpuseram para a obra que aqui analisamos, El exilio según Nicolás (2004), que trabalha também com tópicos da ficção científica e do multiterritorialismo. Parte de um trabalho mais amplo e detalhado, este artigo se baseará em entrevistas concedidas pelo próprio Peveroni e nos pressupostos teóricos de Aínsa (2012) para mostrar como a música, em especial a produzida pelos grupos Suede, Los Redondos e Sex Pistols, influenciam a narrativa em que aqui nos debruçamos, ajudando-nos a compreendê-la melhor através de vozes heterogêneas que surgem de um ambiente externo.


Palavras-chave: Música. Peveroni. Pop. Rock.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
BORGES, Eulálio Marques. A influência da crítica musical de Gabriel Peveroni em sua obra El exilio Según Nicolás (2004). Jornada de Estudos Linguísticos e Literários - JELL/UFV, [S.l.], p. 333-347, mar. 2017. Disponível em: <http://www.brazilianstudies.com/ojs/index.php/jellufv/article/view/284>. Acesso em: 24 jul. 2017.
Seção
Literatura e outros campos do conhecimento

Referências

ACHUGAR, H. El descontento y la promesa:nueva/joven narrativa uruguaya. Uruguay: Ed: Trilce, 2008.
AÍNSA, F. Palabras nómadas. Nueva cartografía de la pertenencia. Madri: Iberoamericana-Vervuert, 2012.
ANARCHY IN THE U.K..In: VAGALUME. Disponível em: http://www.vagalume.com .br/sex-pistols/anarquia-para-o-reino-unido.html. Acesso em: 02 abril 2016.
COX, A. Sid y Nancy. [Filme-video]. Produção de Eric Fellner, direção de Alex Cox. Londres, Initial Pictures, U.K. Productions Entity, Zenith Entertainment, 1986. DVD, 114 min. col. son.
FRESÁN, R. Boomtown o Diario para una relectura de Cien años de soledad y apuntes para un proyecto de serie para la HBO. Biblioteca virtual Miguel de Cervantes, Madri, 8 de novembro de 2012. Disponível em http://www.cervantesvirtual.com/. Acesso em 5 de junho de 2015.
FUGUET, A.; GÓMEZ, S. McOndo. Chile: Ed: Gijalbo-Mondadori, 1996.
GLAM ROCK. In: WIKIPÉDIA, a enciclopédia livre. Florida: Wikimedia Foundation, 2016. Disponível em: https://es.wikipedia.org/wiki/Glam_rock. Acesso em: 26 março 2016.
JIJIJI. In: VAGALUME. Disponível em: http://www.vagalume.com.br/los-redondos/jijiji-no-lo-sone.html. Acesso em: 01 abril 2016.
JIJIJI. In WIKIPEDIA, a enciclopédia livre. Flórida: Wikimedia Foundation, 2016. Disponível em: https://es.wikipedia.org/wiki/Ji_ji_ji. Acessoem 01 abril 2016.
KLEIMAN, C."Jijiji", el mejor tema de los Redondos según Rolling Stone. Revista Rolling Stone, Buenos Aires, 06 junho 2014. Disponível em http://www.rollingstone.com.ar. Acesso en 05 fevereiro 2016.
LA VERDADERAHISTORIA DE "JIJIJI" LOS REDONDOS. (2010 Marzo, 11) Taringa. Disponible en http://www.taringa.net. Acceso en 05 febrero 2016.
PATRICIO REY Y SUS REDONDITOS DE RICOTA. In: WIKIPÉDIA, a enciclopédia livre. Florida. WikimediaFondation, 2016. Disponível em: https://es.wikipedia.org/wiki/Patricio_Rey_y_sus_Redonditos_de_Ricota. Acesso em: 29 março 2016.
PEVERONI, G. El exilio según Nicolás. Montevidéu: Ed: Santillana, 2004.
_____________. Entrevista a Gabriel Peveroni. Montevidéu, Ya Te Conté, 8 janeiro 2013. Entrevista a Diego Recoba. Disponível em: http://www.yateconte.com/2013/01/entrevista -gabriel-peveroni-parte-1.html. Acesso em 02 abril 2016.
——————. Poesía, cinismo, bloggers y otras formas del desierto contemporáneo. Montevideo, Biblioteca G.Peveroni, 2005.Entrevista a J.Pardo. Disponível em http://peveroni.blogspot.com.br/1988/04/poesia-cinismo-bloggers-y-otras-formas.html. Acesso em 13 maio 2016.
PUNK ROCK. In: WIKIPÉDIA, a enciclopédia livre. Flórida: Wikimedia Foundation, 2016. Disponível em: https://pt.wikipedia.org/w/index.php?title=Punk_rock&oldid
=45232613>. Acesso em: 2 abr. 2016.
SAVOIR FAIRE. In: VAGALUME: Disponível em: https://www.letras.mus.br/suede/ 93428/. Acesso em: 26 março 2016.
SEX PISTOLS. In: WIKIPÉDIA, a enciclopédia livre. Flórida: Wikimedia Foundation, 2016. Disponível em: . Acesso em: 2 abr. 2016.
SHE’S IN FASHION. In: VAGALUME. Disponível em: http://www.vagalume.com.br /suede/shes-in-fashion.html. Acesso em: 26 março 2016.
SUEDE. In: WIKIPÉDIA, a enciclopédia livre. Flórida: Wikimedia Foundation, 2016. Disponível em:https://es.wikipedia.org/wiki/Suede. Acesso em: 26 março 2016.